Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Mercado financeiro descarta novo corte de juros em 2012

Analistas ouvidos pelo BC cortaram previsão de crescimento da economia

Para os analistas do mercado financeiro, o ciclo de corte de juros promovido pelo Banco Central chegou ao fim. Pesquisa Focus divulgada nesta segunda-feira pelo BC informa que os economistas preveem que a Selic, taxa básica de juros da economia do país, será mantida no atual patamar de 7,25% ao ano até o final de 2012. Ou seja, não acreditam que a reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) que será realizada nesta semana resultará em um novo corte de juros.

Ainda segundo o levantamento, caiu a perspectiva de crescimento da economia brasileira em 2012. De acordo com a mediana de projeções de economistas ouvidos pelo BC, o Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro deve crescer 1,5% em 2012 e não 1,52%, como apontava o relatório anterior.

Para 2013, o indicador de crescimento econômico também caiu, passando de 3,96% para 3,94% – segunda diminuição de projeção seguida. Contudo, a estimativa para a produção industrial – um dos principais fatores que empurra o PIB para baixo neste ano – subiu levemente, passando de -2,39% para -2,3%, ainda que permaneça no campo negativo.

Já para a inflação oficial, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), a expectativa passou de 5,45% para 5,43% neste ano. Ainda que a diferença seja pequena, indica uma tendência contrária aos últimos meses, quando o mercado vinha estimando cada vez mais inflação. Para o ano que vem, o IPCA estimado é de 5,4% ante 5,39% da semana passada.

Leia também:

Prévia do PIB cai 0,52% em setembro, segundo BC

Maranhão tem pior PIB per capita do país, informa IBGE

Participação do Sudeste no PIB encolhe, mostra IBGE