Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Mercado eleva previsão de inflação para 2010 e 2011

O índice nos dois anos deve ficar acima da meta estabelecida pelo governo

O mercado financeiro voltou a elevar sua projeção de inflação para 2010 e 2011, segundo a pesquisa semanal Focus divulgada pelo Banco Central nesta segunda-feira. Para este ano, a expectativa dos economistas ouvidos pelo BC é de um Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) na marca de 5,58% – ou seja, mais de um ponto acima do centro da meta de inflação para o ano, que é de 4,50%. Na semana passada, a previsão para a inflação em 2010 estava em 5,48%.

Já a estimativa para o IPCA em 2011 avançou de 5,05% para 5,15%. Em relação à inflação de curto prazo, os economistas subiram de 0,55% para 0,65% a previsão para o IPCA de novembro. Para a inflação de dezembro, a taxa prevista manteve-se em 0,50%.

Ainda de acordo com o boletim, o mercado financeiro manteve a projeção de crescimento da economia brasileira para 2010 em 7,6%. Para 2011, a expectativa de expansão do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro é de 4,5%. A estimativa para a produção industrial em 2010 caiu de 11,07% para 11,00%. Para o ano que vem, a projeção para a expansão da indústria subiu de 5,25% para 5,40%.

A previsão para o juro básico foi mantida em 10,75% ao ano para 2010 e em 12% ao ano para 2011. Também foi mantida a projeção para o superávit comercial, em 16 bilhões de dólares em 2010. No ano que vem, saldo comercial deve ser positivo em 8 bilhões de dólares.