Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Menor demanda por carga ajuda a diminuir lucro da LAN

Por Clarissa Mangueira

Santiago – A companhia aérea chilena LAN Airlines disse nesta segunda-feira que seu lucro líquido caiu 22% no primeiro trimestre, para US$ 76 milhões, em relação a igual período do ano passado, devido, em parte, à demanda menor do Brasil por transportes de cargas, afirmou o executivo-chefe da empresa, Alejandro De la Fuente. A receita com transporte cargas cresceu somente 6%, para US$ 368 milhões.

A queda do lucro líquido da LAN no primeiro trimestre também foi resultado de um aumento de 15% dos preços dos combustíveis e custos relacionados à integração de suas operações colombianas, afirmou a empresa em comunicado.

A LAN começará a operar com a brasileira TAM como uma empresa única em 15 de junho, cerca de dois anos após as companhias anunciarem os planos de fusão em agosto de 2010. Após a fusão, a LAN registrará um custo extraordinário de entre US$ 150 milhões a US$ 200 milhões. A companhia espera começar a alcançar economias anuais de entre US$ 600 milhões e US$ 700 milhões em 2016, com economias de entre US$ 170 milhões e US$ 200 milhões sendo reportadas um ano após a fusão.

Segundo De la Fuente, os negócios de transporte de cargas não cresceram no ano passado porque as economias do Brasil e de outros países da América Latina estão desacelerando. “A redução do transporte de cargas começou no segundo semestre de 2011 e continuou no primeiro trimestre”, afirmou o executivo.

A companhia planeja aumentar suas operações europeias, entre outras medidas, para aumentar o negócio de transporte de carga, que representou 25% da receita da companhia da LAN no primeiro trimestre. As informações são da Dow Jones.