Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Medidas europeias alavancam Bolsas da Ásia

Por Ricardo Criez e Roberto Carlos dos Santos

Tóquio, 16 – As bolsas asiáticas, em sua maioria, se mantiveram em alta nesta sexta-feira, impulsionadas novamente pelas boas notícias vindas da zona do euro, como a decisão dos principais bancos centrais europeus de estimular a liquidez do dólar. Não houve negociações na Malásia por ser feriado.

A redução dos temores sobre a crise de débito europeia fez a maioria das blue chips na Bolsa de Hong Kong apresentar recuperação, após as recentes perdas. O Hang Seng subiu 273,81 pontos, ou 1,4%, e encerrou aos 19.455,31 pontos – na semana, contudo, o índice acumulou queda de 2,1%.

Já as Bolsas da China apresentaram estabilidade, com os investidores cautelosos e andando de lado, no menor volume de negociações desde dezembro de 2008. O Xangai Composto subiu apenas 3,29 pontos, para 2.482,34 pontos – na semana, o índice teve baixa de 0,6%. O Shenzhen Composto também fechou estável, aos 1.089,99 pontos.

O yuan se valorizou em relação ao dólar, após o Banco Central chinês reduzir para um patamar recorde a taxa de paridade central dólar-yuan (de 6,3878 yuans para 6,3797 yuans), no embalo do enfraquecimento global da moeda norte-americana. No mercado de balcão, a cotação de compra e venda do dólar foi de 6,3834 yuans, abaixo do fechamento de quinta-feira, que foi de 6,3920 yuans.

Em Taiwan, a Bolsa de Taipé seguiu a onda de otimismo provocada pela sensação de alívio sobre a crise da Europa e fechou novamente em alta, estendendo o ganho de 2,17% registrado na quinta-feira. O índice Taiwan Weighted encerrou com avanço de 2,60%, aos 7.577.40 pontos.

Em forte recuperação, a Bolsa de Seul, na Coreia do Sul, estendeu os ganhos da véspera. O índice Kospi disparou 3,9% e encerrou aos 1.843,78 pontos. Pela primeira vez em nove pregões, os investidores estrangeiros se tornaram compradores.

Pelos mesmos motivos, a Bolsa de Sydney, na Austrália, também encerrou em alta. O índice S&P/ASX 200 avançou 1,91%, aos 4.149,40 pontos.

Nas Filipinas, a Bolsa de Manila encerrou estável. O índice PSEi recuou apenas 0,03%, aos 4.290,17 pontos.

A Bolsa de Cingapura seguiu o embalo dos demais mercados regionais. O Straits Times Index subiu 0,8% e terminou aos 2.789,04 pontos, na terceira sessão seguida de ganhos – na semana, entretanto, apresentou baixa de 1,3%.

Na Indonésia, o mercado também se recuperou. O índice composto da Bolsa de Jacarta ganhou 1,6%, aos 3.835,181 pontos, em moderado volume de negociações, com o retorno do apetite pelo risco.

Apenas a Bolsa de Bangcoc, na Tailândia, destoou da alta generalizada. O índice SET baixou 0,3%, para 1.033,34 pontos, em pregão instável, com os investidores cautelosos a respeito dos fatores externos.

As informações são da Dow Jones.