Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Mazda e Fiat fazem aliança para carros esportivos

Por Da Redação - 23 maio 2012, 08h24

Por Chang-Ran Kim

TÓQUIO (Reuters) – A Mazda Motor e a Fiat anunciaram nesta quarta-feira uma aliança para a produção de uma nova geração de carros esportivos para recuperarem seus negócios.

Montadoras em todo o mundo têm forjado parcerias para dividir o crescente peso de pesquisa e desenvolvimento à medida que governos apertam regulamentações ambientais e de segurança, e para reduzir custos em meio à forte concorrência.

A quinta maior montadora japonesa e a Fiat concordaram, a princípio, em desenvolver e produzir carros esportivos de dois lugares para suas respectivas marcas Mazda e Alfa Romeo baseados no modelo MX-5 da Mazda, informaram as empresas em um comunicado. O acordo não envolve uma união de capital.

Publicidade

A Mazda sofreu prejuízo por quatro anos consecutivos, em meio à valorização do iene que torna seus carros menos competitivos nos mercados internacionais. A montadora fabrica a maior parte de seus veículos no Japão e exporta quase 80 por cento da produção.

Tanto Mazda, quanto Fiat descartam a possibilidade de uma aliança acionária, dizendo que seu memorando de entendimento não contemplava tais negociações.

As companhias, contudo, discutirão mais possibilidades de cooperar na Europa, segundo o comunicado.

Os carros sob colaboração serão equipados com seus respectivos motores e construídos na fábrica da Mazda em Hiroshima, com a produção do Alfa Romeo programada para começar em 2015.

Publicidade

O MX-5, lançado em 1989, foi declarado o carro esportivo de dois lugares mais vendido da história pelo Guiness Book em 2000.

“O MX-5 é um carro icônico da linha da Mazda (…) mas desenvolver a próxima geração pela Mazda sozinha seria difícil de justificar e esse acordo permite a eles fazer isso”, disse o analista Tatsuo Yoshida, do UBS.

Publicidade