Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Mantega: sem medidas, dólar estaria abaixo de R$ 1,40

Por Da Redação 13 mar 2012, 15h45

Por Célia Froufe, Adriana Fernandes e Eduardo Cucolo

Brasília – O ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse hoje que, se o governo não tivesse tomado medidas cambiais nos últimos anos, o dólar estaria cotado a R$ 1,40 ou menos e a indústria brasileira já estaria quebrada. “Se não tivéssemos comprando o volume de dólares que estamos e tomado essas medidas, já estaríamos com o câmbio em R$ 1,40 ou menos que isso. Toda a indústria brasileira já estaria quebrada, não teria condições de competitividade e não conseguiria exportar nada”, afirmou. “A eficácia dessas medidas é inequívoca.”

O ministro afirmou ainda que o câmbio atual, em torno de R$ 1,80, é uma situação um pouco mais favorável às exportações e à sobrevivência da indústria. “Não é suficiente. Outras medidas têm de ser tomadas”, afirmou, durante audiência pública na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado. Ele disse ainda que os países avançados já injetaram mais de US$ 9 trilhões em um período relativamente curto na economia e que o governo tem buscado convencer os colegas do G-20 a não praticar ou adotar medidas que absorvam esse excesso de liquidez. Enquanto isso, o Brasil tomará medidas.

O ministro citou o programa Brasil Maior, medidas de redução de custo financeiro e afirmou que “estamos a todo momento tomando medidas que dão respaldo à produção brasileira”. Ele citou a mudança ontem da cobrança de 6% de IOF sobre empréstimos abaixo de cinco anos. “Quem quiser, tome empréstimos acima de cinco anos, mais saudáveis e para investimentos.”

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)