Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Mais dois membros da CCX, de Eike Batista, renunciam

Chevalier e Tourinho Neto renunciaram aos cargos no conselho. A companhia decidiu diminuir o número de executivos para o Conselho

A CCX, empresa de exploração de carvão do grupo EBX, de Eike Batista, na Colômbia, anunciou nesta segunda-feira a renúncia de mais dois membros do Conselho e uma reforma do estatuto, para comportar um número menor de integrantes. Bruno de Rossi Chevalier e Rodolpho Tourinho Neto renunciaram aos cargos no Conselho. Tourinho deixa também o comitê de auditoria, segundo comunicado à imprensa.

Por unanimidade dos votos, a companhia decidiu alterar o estatuto. A exigência mínima de executivos para o Conselho passa de cinco para dois membros, incluído o presidente, com mandato de um ano para cada um. A empresa reelegeu Luiz do Amaral de França Pereira como membro do comitê de auditoria. A remuneração dele permanece em 5 mil reais.

Leia também:

Por que Eike Batista perde e ganha muito dinheiro em um dia

Eike Batista manifesta intenção de fechar capital da CCX