Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Lagarde: FMI não disse que bancos precisam de 200 bi

Por Nalu Fernandes

Marselha – A diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde, negou, neste sábado, que o Fundo tenha dito que os bancos europeus precisam de � 200 bilhões em capital adicional contra potenciais perdas relacionadas à intensificação da crise soberana da dívida na Europa.

“Isto não é um teste de estresse dos bancos europeus que o FMI conduziu, nem os � 200 bilhões são o capital total necessário para as instituições bancárias europeias”, disse Lagarde, ao final da reunião dos ministros das finanças do G-8 (G-7 e a Rússia), em Marselha.

Segundo relatórios recentes na imprensa, o FMI dirá no Relatório de Estabilidade Financeira Global (GFSR), que será divulgado no fim deste mês, que os bancos europeus poderiam enfrentar escassez de até � 200 bilhões em perdas potenciais na exposição a títulos de governos europeus.

Lagarde, no entanto, advertiu que o número foi divulgado de forma não apropriada. Ela acrescentou que o FMI ainda está conversando com os governos europeus sobre a metodologia utilizada para avaliar os riscos bancários. Quando o FMI publicar o relatório, “indicará claramente o que estamos falando”, acrescentou a diretora-gerente. As informações são da Dow Jones.