Clique e assine a partir de 8,90/mês

Juventus de Turim no vermelho, ‘o pior balanço de sua história’

Por Olivier Morin - 18 out 2011, 13h25

A Juventus de Turim fechou o exercício fiscal 2010-2011 com um déficit de 95,4 milhões de euros, o “pior balanço de sua história”, segundo as palavras de seu presidente, Andrea Agnelli, nesta terça-feira na Assembleia de acionistas do clube, de capital aberto.

“O balanço 2010-2011 é o pior da história (…) É inadmissível pelas perdas, mas é fruto da vontade de manter a ‘Juve’ competitiva e esperando que vença, como a história impõe”, explicou Agnelli.

A Assembleia aprovará um aumento extraordinário do capital do clube por um montante de 120 milhões de euros.

O clube acaba de inaugurar seu novo estádio, que teve um custo de 122 milhões de euros e é o grande motivo do déficit, mas também espera receitas adicionais de 21 milhões de euros anuais.

Sétimo na temporada 2010-2011, a ‘Juve’, 27 vezes campeã da Itália, lidera atualmente a Série A após seis rodadas.

Continua após a publicidade
Publicidade