Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Juros futuros apontam Selic em 8,25% no fim do ano

Nesta quinta-feira, investidores reagiram às notícias de inflação e ao cenário externo para traçar expectativa de juros para 2012

As operações de investidores com juros futuros nesta quinta-feira apontaram uma taxa básica de juros (Selic) em 8,25% no fim do ano, o que implica uma queda de 0,75 ponto porcentual em relação a taxa atual de 9% ao ano. Diante disso, os juros futuros de curto prazo terminaram perto da estabilidade nesta quinta-feira. Já o trecho intermediário e longo da curva a termo devolveu prêmios – movimento que foi amparado justamente pelo ambiente internacional instável.

No fim do pregão na BM&F, o DI janeiro de 2013 (513.860 contratos) estava em 7,79%, nivelado ao ajuste e após bater a máxima intraday de 7,86%. O DI janeiro de 2014, com giro de 432.035 contratos, indicava 8,18%, ante 8,21% na véspera. Entre os longos, o DI janeiro de 2017 (55.820 contratos) cedia para a mínima de 9,54%, frente a 9,65% na quarta. Por fim, o DI janeiro de 2021 (5.755 contratos) recuava para 10,09%, de anteriores 10,19% no ajuste.

Notícias – Algumas das notícias que influenciaram os juros futuros foram o avanço de 1,01% no Índice Geral de Preços-10 (IGP-10) de maio (contra 0,70% em abril) e a alta de 0,48% do Índice de Preços ao Consumidor (IPC) da Fipe na segunda quadrissemana do mês (ante 0,55% da semana anterior e 0,24% do mesmo período de abril). As vendas do varejo, também divulgadas no dia, subiram 0,2% em março ante fevereiro, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Por fim, o dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) mostraram criação líquida de 216.974 postos de trabalho em abril.

(com Agência Estado)