Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Startup brasileira vai acabar com a burocracia na assinatura de documento e registro de autenticidade

Fim da burocracia e preços justos na assinatura digital de documentos e registros de autenticidade. Aliada com a tecnologia blockchain, essa é a proposta da startup brasileira Lunes com o lançamento do Truth.

Levar papelada no cartório mais próximo, reconhecer firma, aguardar atendimento, recolher assinatura pessoalmente – muitas vezes envolvendo um custo adicional no processo. Essas são etapas comuns de quem deseja assinar um contrato com validade jurídica hoje no Brasil. Isso levando em conta as grandes metrópoles, onde há uma quantidade maior de cartórios espalhados pelo País. Se levarmos em conta os cantos mais remotos, esse simples procedimento se torna ainda mais custoso e burocrático.

Nesse contexto, a Lunes startup brasileira que oferece soluções baseadas em tecnologia blockchain, lança um produto no mercado que vem para mudar o paradigma da forma como fazemos assinatura de documentos e registro de autenticidade.

Esqueça as idas ao cartório, o recolhimento de assinaturas presencialmente e custos desnecessários. Com o Truth você tem a liberdade de realizar todo esse procedimento online, economizando tempo e dinheiro.

Uma assinatura de contrato num modelo tradicional pode levar até 10 dias para ser concluído. No modelo proposto pelo Truth da Lunes, em alguns minutos é possível enviar um contrato para a plataforma, definir as responsabilidades de cada um – quem assina e quem é testemunha, por exemplo e enviar para recolhimento das devidas assinaturas. Tudo online, com o acompanhamento do processo por meio da plataforma e por e-mail. Sem burocracia e com um custo-benefício muito atraente: assinar um contrato neste modelo pode representar uma economia de cerca de 50 – 90% em relação ao modelo tradicional.

 

Tudo é registrado em uma blockchain própria

A plataforma do Truth foi construída com uma blockchain própria, utilizando criptografia, para assinatura de documentos e registros de autenticidade efetuados na plataforma. Isso garante que, uma vez assinado o documento ou feito registro de autenticidade não tem como ser alterado por ninguém. Nem por terceiros nem por quem criou o documento, por exemplo. A própria característica da blockchain respalda este aspecto, visto que, uma vez registrada na cadeia de blocos, a informação não pode ser alterada.

 

Assinatura de documentos e registros de autenticidade possuem validade jurídica

Sabe aquele projeto que você vai apresentar em uma reunião com potenciais investidores? Ou aquela letra de uma música ou livro que você criou? Esses são alguns exemplos de documentos em que o usuário pode registrar a autenticidade e garantir que é o proprietário intelectual daquele conteúdo. Quanto à assinatura de documento digital, há respaldo jurídico. A Lei n° 11.419, de 19 de Dezembro de 2006, que instituiu a informatização do processo judicial e no Artigo 10 da MP 2.200-2, de 24 de Agosto de 2001, consideram-se documentos públicos ou particulares, para todos os fins legais, os documentos eletrônicos de que trata esta Medida Provisória. Acrescenta no § 2o o disposto nesta Medida Provisória não obsta a utilização de outro meio de comprovação da autoria e integridade de documentos em forma eletrônica, inclusive os que utilizem certificados não emitidos pela ICP-Brasil, desde que admitido pelas partes como válido ou aceito pela pessoa a quem for oposto o documento.

 

Economia de tempo custo-benefício atraente

O Truth tem planos que se adequam à necessidade de cada perfil de usuário. No plano Grátis por exemplo você pode realizar a assinatura e/ou registro de até 5 documentos, sem custo adicional por mês. Se precisar de mais, cada assinatura avulsa custa apenas R$ 3,99. No mais, os planos de assinatura mensal variam de R$ 16,99/mês no plano Básico até R$ 29,99/mês no plano Avançado. Cada plano oferece uma quantidade de Truth para ser utilizado no período (cada contrato ou registro de autenticidade é denominado Truth na plataforma). Há ainda um plano Ilimitado, que deve ser consultado diretamente com a empresa.

 

Perspectiva para o futuro

O lançamento do Truth com as funcionalidades de assinatura de documentos e registros de autenticidade é apenas o começo do que vem por aí. Por estar respaldado em uma tecnologia como a blockchain, as perspectivas para o futuro são bastante animadoras. Isso se deve ao fato de que está no horizonte da Lunes implementar novas funções, entre elas: a criação de um banco de dados sobre perfil de crédito – semelhante ao que é feito pelo SPC/Serasa, além de dar ao cliente a possibilidade de manter seus dados pessoais em segurança. “Com o Truth viemos suprir uma demanda das pessoas e empresas por agilidade, segurança e preço justo. Seja para assinatura de documentos ou registro de autenticidade, que é o que estamos implementando neste primeiro momento.” comenta Lucas Magno, CEO e fundador da Lunes. “Com o tempo, vamos explorar as possibilidades, agregando serviços à plataforma, desburocratizando processos e facilitando a vida das pessoas”, afirma Lucas.