Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Livren: parar de fumar é possível

Estudos científicos desenvolvidos por pesquisadores comprovam que sim, é possível livrar-se definitivamente do uso do cigarro

Por JayPRO - Atualizado em 21 jan 2020, 12h46 - Publicado em 10 jan 2020, 18h37

O número de brasileiros que fumam cresceu 61,8% nos últimos 10 anos, passando de 29% da população em 2008 para 40% em 2018. Desses novos usuários, muitos começam a fumar por influência de alguém a quem estão ligados, e sequer imaginam que é possível eliminar 100% o vício do cigarro com produtos naturais.

As principais consequências do uso do cigarro:
● Pressão alta
● Riscos de Infarto
● Insuficiência cardíaca
● Câncer de Pulmão e Garganta
● Insuficiência respiratória

Porque o cigarro ameaça a vida do usuário?
O consumo de derivados do tabaco causa cerca de 50 tipos de doença, principalmente as cardiovasculares (infarto, angina), o câncer e as doenças respiratórias obstrutivas crônicas (enfisema e bronquite). Essas são as principais causas de óbitos por doença no Brasil, sendo que o câncer de pulmão é o primeiro entre as causas de morte por câncer.

Além disso, o tabagismo causa impotência sexual no homem e, no caso das mulheres, complicações na gravidez. Sem contar que ele provoca aneurismas arteriais; úlcera do aparelho digestivo; infecções respiratórias; osteoporose; trombose vascular; problemas respiratórios e redução do desempenho sexual.

Então é possível eliminar o vício do tabagismo?
Esse problema que atinge milhões de brasileiros possui tratamento reversível sim! De acordo com grandes pesquisadores, o cigarro não é uma sentença, ou seja, você não está destinado a ficar a vida inteira preso(a) a ele e aos diversos tipos de doenças que o cigarro traz para sua vida. Pessoas em todas as partes do mundo já estão aproveitando desta grande novidade e abandonando de uma vez por todas o terrível vício no cigarro.

O que causa a dependência no cigarro?
A nicotina, que é encontrada em todos os derivados do tabaco (cigarro, charuto, cachimbo, cigarro de palha, narguilé, entre outros) é a droga que causa dependência. Essa substância é psicoativa, isto é, produz a sensação de prazer, o que pode induzir ao abuso e à dependência. A dependência à nicotina é incluída na Classificação Internacional de Doenças da Organização Mundial de Saúde – (CID).
Ao ser inalada produz alterações no Sistema Nervoso Central, modificando assim o estado emocional e comportamental dos indivíduos, da mesma forma como ocorre com a cocaína, heroína e álcool. Depois que a nicotina atinge o cérebro, libera várias substâncias (neurotransmissores) que são responsáveis por estimular a sensação de prazer explicando-se assim as boas sensações que o fumante tem ao fumar.

Com a inalação contínua da nicotina, o cérebro se adapta e passa a precisar de doses cada vez maiores para manter o mesmo nível de satisfação que tinha no início. Esse efeito é chamado de tolerância à droga. Com o passar do tempo, o fumante passa a ter necessidade de consumir cada vez mais cigarros. Com a dependência, cresce também o risco de se contrair doenças crônicas não transmissíveis, que podem levar à invalidez e à morte.

Como funciona a revolucionária fórmula do Livren?
Magnésio: É um mineral que promove o fim da vontade de consumir a nicotina, também contribuindo para que seja superada a ansiedade. O humor acaba sendo outro item beneficiado pelo uso desse ingrediente poderoso, e ainda pouco conhecido mundialmente. O uso diário faz com que a diminuição da vontade de fumar aconteça. Cada dia que usar o Livren corretamente, o seu organismo vai se purificando, diminuindo o desejo e até mesmo criando uma repulsa pelo cigarro.

Maltodextrina: Acelera o ritmo metabólico e, sendo assim, faz com que o próprio corpo passe a se purificar, voltando gradativamente ao seu estado normal de não fumante e criando uma barreira protetora no seu organismo. 

Que benefícios o uso do Livren pode trazer?
De acordo com uma pesquisa de satisfação realizada entre os clientes Livren, os benefícios são inúmeros.

Livren é uma medicação? Precisa de receita ou prescrição médica para o uso?
Por não se tratar de um medicamento, o Livren não necessita de prescrição médica pois é um suplemento alimentar, 100% natural, sem contraindicações e sem efeitos colaterais.

Livren possui registro na ANVISA? Tem efeitos colaterais?
Sim, o Livren possui autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e está registrado sob o número 6.04.572-1. Essa é só mais uma garantia de que o consumidor está diante de um produto regularizado e eficaz que não é prejudicial à saúde e não provoca efeitos colaterais, já que possui uma fórmula 100% natural.

Como devo tomar?
O consumo de apenas duas cápsulas ao dia – uma pela manhã e uma à noite — deste produto natural é suficiente para obter resultados satisfatórios. O LIVREN é tão eficaz que há a garantia de 100% de satisfação. Com ele, quem adquirir o produto, consumir por um mês de acordo com o que está prescrito na embalagem e não ficar satisfeito com os resultados obtidos, terá o dinheiro devolvido integralmente, sem nenhuma burocracia.

Acesse nosso site e confira todas as informações a respeito desse medicamento: https://www.livren.com.br/

SAC: 33 3273-1339
E-mail: suporte@hipervita.com.br

Importante: Segundo o fabricante, o Livren só está disponível atualmente através da internet pelo site oficial, e não é encontrado em farmácias ou lojas especializadas

 
Publicidade