Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Itaú compra Zup, startup de gerenciamento de dados, por R$ 575 milhões

Segundo o banco, aquisição acelerará desenvolvimento de projetos digitais; gestão da empresa continuará de forma autônoma após a conclusão do negócio

Itaú anunciou na noite de quinta-feira, 31, que fechou a aquisição de 100% do capital da mineira Zup, startup fundada em 2011. O valor total da transação é de 575 milhões de reais, e a compra será feita em três etapas ao longo de quatro anos. A empresa é especializada em serviços de big data, com análises de grandes bancos de dados. Em seu histórico, a companhia já ajudou a desenvolver aplicativos para operadoras como Vivo e bancos como o Santander. De acordo com o Itaú, a aquisição permitirá uma aceleração no desenvolvimento dos projetos de transformação digital e a oferta de novas funcionalidades e de produtos digitais aos clientes do banco.

Ainda segundo a instituição financeira, a empresa de tecnologia funcionará de forma autônoma ao banco. “A empresa continuará oferecendo aos seus clientes, dos mais diversos setores, uma gama diversificada de produtos e serviços próprios, competindo livremente, sem restrições ou barreiras comerciais e operacionais.” Atualmente, a Zup possui 900 funcionários e seis filiais pelo país. 

Na primeira parte do negócio, o Itaú comprará 51% do capital total e votante da Zup pelo valor aproximado de 293 milhões de reais, passando a deter o controle da companhia. No terceiro ano após o fechamento da operação, o banco adquirirá 19,6% adicionais de participação e, no quarto ano, o Itaú adquirirá a participação restante dos acionistas, de forma a alcançar 100% do capital total e votante.