Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

IPVA em São Paulo poderá ser pago em até 12 vezes no cartão de crédito

Governo fechou acordo com duas empresas de maquininhas de cartão para que o motorista possa pagar seu imposto em mais parcelas

Por Larissa Quintino Atualizado em 11 jan 2019, 12h17 - Publicado em 10 jan 2019, 11h19

O motorista paulista poderá pagar o  Imposto sobre Propriedade Automotiva (IPVA) e outros débitos veiculares no cartão de crédito, em até 12 vezes. O governo de João Doria (PSDB) fechou um acordo com as empresas de maquininhas de cartão Taki e PinPag para permitir o novo meio de pagamento.

A autorização do credenciamento foi publicada na edição desta quarta-feira, 10,  do “Diário Oficial” do estado, um dia após o início do calendário de pagamento do imposto, para motoristas com placas final 1.  Hoje é a vez dos motoristas com placa final 2.

O pagamento já pode ser feito em postos credenciados, que funcionam como correspondentes bancários do governo. Ao todo, há 14 postos no estado, sendo quatro na capital, um no litoral e nove no interior. Os pontos podem ser consultados no site da secretaria.

A pasta afirma que o pagamento do imposto pelo cartão deve ser disponibilizado em breve nos postos do Poupatempo.

Até o momento, o motorista paulista só podia parcelar em três vezes o tributo, em cotas iguais, a ser pagas diretamente nos bancos, pelo Internet Banking ou caixas de autoatendimento. Com a nova opção, o contribuinte pode dividir todo o imposto ou até mesmo pagar as cotas em parcelas, explicou o secretário-adjunto da Fazenda, Milton Luiz de Melo Santos, secretário adjunto da Secretaria da Fazenda.

“O contribuinte vai poder ir até o posto de atendimento mais próximo de sua residência e fazer o pagamento pela maquininha de cartão. Quem tem carro placa final 1, por exemplo, vai poder pagar parcelado a segunda cota do imposto parcelada, se quiser”, disse.

Apesar da flexibilização, o motorista deve ficar atento ao calendário de pagamento para não ficar em atraso com o tributo. De acordo com o secretário, é possível inclusive fazer o pagamento da cota única, com 3% do desconto, no cartão. “É um novo meio de pagamento, então se resolver pagar a cota única no cartão, o contribuinte não perde o desconto”.

Continua após a publicidade

Segundo Gustavo Ley, coordenador de administração tributária, na hora de fazer o pagamento o contribuinte será informado no visor da maquininha se há cobrança de juros e qual é o valor da parcela.

A orientação é que o contribuinte pegue duas vias após a transação. A primeira é o comprovante de pagamento e, em seguida, será emitida um comprovante da quitação do imposto ou da cota. Com isso, a quitação do imposto é feita com o governo e o débito do consumidor passa a ser com a empresa de cartão de crédito. “É importante guardar as vias como segurança. E, no dia seguinte, a informação sobre o pagamento pode ser consultada no site da Fazenda”.

Segundo o secretário-adjunto, o motorista pode pagar o licenciamento e o seguro DPVAT pelo cartão de crédito. Multas, no entanto, não podem ser quitadas pelo novo meio de pagamentos.

 

 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.