Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

IPO pode chegar a R$ 1,417 bi, diz Brasil Travel

Por Fátima Laranjeira

São Paulo – A holding de turismo Brasil Travel Turismo e Participações realizará uma oferta pública inicial (IPO, na sigla em inglês) primária de 170 mil ações e secundária de 466,5 mil ações com esforço de colocação no exterior. Conforme aviso ao mercado publicado hoje, a quantidade total de ações poderá ser acrescida em até 14,98% em lote suplementar, ou seja, 95,4 mil ações da empresa e de sócios, e até 19,98% em lote adicional, mais 127,2 mil papéis, dos quais 25 mil novas ações a serem emitidas pela companhia e até 102,2 mil papéis de sócios.

O preço será fixado no dia 8 de fevereiro, quando se encerra o período de coleta de intenções de investimento (bookbuilding), que se inicia hoje. A faixa indicativa apresentada pela empresa no aviso ao mercado da oferta é de R$ 1.250,00 a R$ 1.650,00, podendo ficar acima ou abaixo após o fechamento do book. No teto dessa faixa e com o exercício dos lotes extras, a oferta pode alcançar, no máximo, R$ 1,417 bilhão. Sem contar os lotes extras e no piso da faixa indicativa, a oferta pode atingir R$ 795,625 milhões. O período de reserva vai de 31 de janeiro a 7 de fevereiro, conforme cronograma.

A oferta é direcionada a investidores institucionais, sendo a oferta de dispersão para instituições financeiras, companhias seguradoras e sociedades de capitalização, entidades abertas ou fechadas, pessoas físicas, entre outros, domiciliados no Brasil, com investimentos superiores a R$ 300 mil. Ainda a oferta de dispersão será dirigida a fundos de investimentos, administradores de carteiras e consultores de valores mobiliários, entre outros, com valor mínimo de investimento de R$ 145 mil e máximo de R$ 1 milhão. Haverá ainda a oferta institucional, direcionada a investidores qualificados que não sejam investidores da dispersão.

A empresa espera obter registro da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) em 9 de fevereiro e dar início à negociação das ações objeto da oferta no Novo Mercado da BM&FBovespa em 10 deste mesmo mês. A liquidação da oferta deve ocorrer no dia 14 de fevereiro. A nova holding de turismo vai concentrar cerca de 40 empresas e já deve nascer com receita de R$ 5 bilhões ao ano. Conforme já divulgado, com os recursos captados na oferta inicial de ações, a Brasil Travel pagará as 34 empresas que já adquiriu e as outras quatro que pretende comprar até o início de 2012. O coordenador líder é Credit Suisse, ao lado do Barclays Capital e Santander, com o Flow como agente estabilizador.