Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

IPC-S da 2ª quadrissemana fica em 0,39%, diz FGV

Por Da Redação 16 ago 2012, 08h54

Por Maria Regina Silva

São Paulo – A inflação apurada pelo Índice de Preços ao Consumidor – Semanal (IPC-S) apresentou alta de 0,39% na segunda quadrissemana de agosto, depois de subir 0,40% na primeira leitura do mês, informou nesta quinta-feira a Fundação Getúlio Vargas (FGV). De acordo com a entidade, das oito classes de despesas que compõem o indicador, três tiveram desaceleração da alta de preços.

O principal destaque foi o grupo Alimentação, que subiu 1,27% na segunda leitura de agosto, ante avanço de 1,62% na quadrissemana anterior. O item hortaliças e legumes, que vinha puxando o IPC-S para cima nos últimos meses, perdeu força nesta medição, ao ficar em 19,17%, depois de um aumento mais intenso, de 26,26% na primeira quadrissemana de agosto. O preço do tomate, por exemplo, subiu 48,05% na prévia anunciada nesta quinta-feira, de +68,15% na quadrissemana anterior.

Outros grupos que também mostraram arrefecimento foram, segundo a FGV: Comunicação (de 0,29% para 0,19%) e Despesas Diversas (de 0,42% para 0,24%). Já o conjunto de preços composto por Transportes diminuiu o ritmo de queda na segunda quadrissemana do mês, de um recuo de 0,48% para 0,34%. O mesmo foi observado em Vestuário (de -0,66% para -0,49%). Já os grupos Educação (de 0,40% para 0,71%) e Habitação (de 0,14% para 0,20%) aceleraram o ritmo de alta na segunda quadrissemana de agosto. O conjunto de despesas formado por Saúde e Cuidados Pessoais ficou em 0,46%, após uma elevação de 0,38% na primeira leitura do mês.

Continua após a publicidade
Publicidade