Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Investidor está mais otimista sobre dólar, diz pesquisa

Grupo de investidores crê em recuperação da economia dos EUA neste ano

A maioria dos investidores acredita que outro membro da zona do euro seguirá a Grécia e irá reestruturar sua dívida no próximo ano, segundo uma pesquisa do Barclays Capital. Ainda conforme o levantamento, diversos investidores esperam um crescimento econômico relativamente forte nos Estados Unidos para estimular o dólar ante o euro no próximo trimestre.

Enquanto a preocupação sobre um país deixando o bloco de 17 nações recuou desde o último outono, quando a Grécia parecia em risco de default (calote) desordenado, quatro em 10 ainda veem pelo menos um país deixando a região, de acordo com a pesquisa do Barclays. Mas este número está abaixo dos quase 50% registrados na pesquisa do banco em novembro.

De quase 700 clientes institucionais ouvidos, quase dois terços esperam que Portugal ou Irlanda reestruture sua dívida pública, embora grande parte espera pequeno impacto sobre os mercados financeiros globais.

“Os prospectos da zona do euro têm melhorado significativamente, mas ainda há questões não resolvidas”, disse Paul Robinson, chefe global para pesquisa de moedas e um dos autores do relatório.

Os pesquisados estavam mais otimistas sobre a perspectiva econômica dos EUA para 2012 do que estiveram há três meses, mesmo que a zona do euro esteja indo em direção à recessão. Como resultado, 49% dos pesquisados esperam que o euro se deprecie ante o dólar durante o trimestre que se encerra em junho, enquanto apenas 10% dos ouvidos na pesquisa esperam que o euro se aprecie. Na sexta-feira, à tarde, o euro era negociado a US$ 1,3175, acima de US$ 1,3080 do fim da quinta-feira, e de US$ 1,2961 do final de 2011.

(com Agência Estado)