Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Inflação fica em 0,44% em agosto e já chega a 5,42% em 2016

Educação foi o item que mais subiu no mês, segundo o IBGE

O IPCA, índice oficial de inflação do Brasil, subiu 0,44% em agosto, segundo os dados divulgados nesta sexta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Com isso, o indicador já acumula alta de 5,42% em 2016.

Educação, com alta de 0,99%, foi o item que mais subiu no mês, de acordo com o IBGE. Despesas pessoais subiram 0,96%, mas seu impacto no IPCA foi maior que o de educação, respondendo por 0,10 ponto porcentual no total da alta.

O grupo alimentação e bebidas, um dos maiores responsáveis pela alta da inflação neste ano, foi, em agosto, o que mais contribuiu para a desaceleração do indicador em relação ao mês anterior. Em julho, o grupo subiu 1,32%; em agosto, 0,30%.

O IPCA é o indicador usado pelo Banco Central para balizar as decisões sobre a Selic, a taxa básica de juros do país. Para decidir se eleva, reduz ou mantém os juros, o BC persegue a meta de levar a inflação para 4,5%, com tolerância de chegar a 6,5%.

Mesmo se considerado o teto da meta, o objetivo não será atingido neste ano, assim como já não ocorreu em 2015, segundo consenso entre analistas. Nos últimos doze meses, a alta do IPCA chega a 8,97%. Esse patamar é ainda mais alto que o dos doze meses acumulados até julho, quando ele foi de 8,74%.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Israel Marinho

    Não entendi essa matemática da manchete. A inflação estava 0,52% em Julho e “subiu” para 0,44% em Agosto? Mesmo se for considerado o aumento de 12 meses, foi um aumento de 0,23% (8,97 – 8,74). Estou deixando passar alguma coisa aqui?

    Curtir