Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

‘Inflação do aluguel’ para outubro é a menor desde 2012

IGP-M, referência para o reajuste de contratos de locação de imóveis, subiu 0,16% no mês; alta acumulada no ano é de 6,63%

Por Da redação Atualizado em 28 out 2016, 10h10 - Publicado em 28 out 2016, 10h05

O Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) desacelerou de 0,20% em setembro para 0,16% em outubro, divulgou nesta sexta-feira a Fundação Getúlio Vargas (FGV). Esse é o menor nível do IGP-M -indicador de referência para o reajuste de contratos de aluguel – desde 2012.

Entre os três indicadores que compõem o IGP-M, o IPA-M saiu de 0,18% em setembro para 0,15% em outubro. Na mesma base de comparação, o IPC-M saiu de 0,16% para 0,17%. O INCC-M desacelerou de 0,37% para 0,17%. A variação acumulada do IGP-M em doze meses até outubro é de 8,78%. No ano de 2016, o indicador acumula alta de 6,63%.

Os preços dos produtos agropecuários no atacado caíram 0,79% em outubro, após registrarem queda de 0,65% em setembro, informou a FGV. Já os preços de produtos industriais tiveram alta de 0,53%, mesma variação apresentada no mês passado.

Os preços dos bens intermediários subiram 0,04% em outubro depois de caírem 0,33% em setembro. Já a variação dos bens finais foi de 0,07%, após recuo de 0,25% na mesma base de comparação. Os preços das matérias-primas brutas subiram 0,36%.

O Índice de Preços ao Produtos Amplo (IPA) subiu 0,15% em outubro, depois de avançar 0,18% em setembro. Em doze meses até setembro, o IPA acumula aumento de 9,57%. Em 2016, esse indicador acumula alta de 7,07%.

O resultado do IGP-M de outubro ficou dentro do intervalo das estimativas dos analistas do mercado financeiro consultados pelo Projeções Broadcast, entre 0,12% e 0,35%, e abaixo da mediana de 0,20%.

(Com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)