Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Inflação aumenta 3,1% em novembro nos países da OCDE

Contudo, na comparação mensal, índices desaceleram até mesmo nas nações emergentes

Por Da Redação 5 jan 2012, 09h55

O índice de preços nos países da Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE) aumentou em novembro 3,1%, na comparação com o mesmo período de 2010, comunicou nesta quinta-feira a organização com sede em Paris. A inflação ficou 0,01% menor que no mês anterior, refletindo a desaceleração dos preços de energia que desaceleraram para 11,7% em novembro, contra 12,4% de outubro.

Enquanto a inflação subiu na França (de 2,3% a 2,5%), nos demais países do Grupo dos Sete (G7, os sete países mais industrializados) houve queda ou estabilidade. Na zona do euro, o índice ficou estável em 3%; nos Estados Unidos, caiu para 3,4%; e no Japão os preços recuaram 0,5%. No Brasil, o índice de novembro ficou em 6,6%, ante 5,6% no mesmo mês de 2010.

Entre os países emergentes, a inflação desacelerou para 4,2% na China em novembro, contra 5,5% do mês anterior. Na comparação mensal também houve desaceleração no Brasil, Rússia, Indonésia e Índia, e ficou sem variações na África do Sul.

Os preços subiram 0,01% no conjunto da OCDE em novembro no comparativo a outubro. Na França, aumentaram 0,3%, 0,2% no Reino Unido e 0,01% no Canadá. Permaneceram inalterados na Alemanha, enquanto caíram 0,01% na Itália e nos Estados Unidos e 0,06% no caso do Japão.

(Com EFE)

Continua após a publicidade
Publicidade