Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Índices asiáticos seguem NY e sobem, com esperança por acordo na Grécia

A alta veio após os sólidos ganhos das bolsas dos Estados Unidos. O índice Dow Jones atingiu a máxima em três anos e nove meses

Por Da Redação 8 fev 2012, 06h32

As bolsas de valores asiáticas fecharam em alta nesta quarta-feira, atingindo a máxima em mais de cinco meses, com os investidores mantendo vivas as esperanças de que haja um acordo sobre os detalhes do novo programa de ajuda externa à Grécia, apesar dos atrasos.

O índice MSCI das ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão subia 0,47% às 7h29 e, após um início de pregão fraco, operava no maior nível em mais de cinco meses.

A alta veio após os sólidos ganhos das bolsas dos Estados Unidos. O índice Dow Jones atingiu a máxima em três anos e nove meses, alavancado por uma melhora da confiança após dados econômicos positivos.

Em Tóquio, o índice Nikkei subiu 1,10%, para o maior patamar em três meses, impulsionado pela previsão de lucro surpreendente da Toyota.

“É realmente uma reação diante da melhora dos mercados dos EUA”, disse Guy Stear, diretor de pesquisa do Société Générale em Hong Kong.

Embora o acordo da Grécia com seus credores internacionais tenha sido adiado, os mercados se concentraram no outro lado da questão: nas pressões para que o Banco Central Europeu (BCE) esteja mais envolvido em ajudar a resolver o impasse no plano de resgate.

O índice de Seul encerrou em alta de 1,12%. O mercado avançou 1,54% em Hong Kong e a bolsa de Taiwan ganhou 2,11%, enquanto o índice referencial de Xangai subiu 2,43%. Cingapura subiu 0,83% e Sydney fechou com valorização de 0,39%.

(Com agência Reuters)

Continua após a publicidade
Publicidade