Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Inadimplência recua 1,6% em abril, diz Boa Vista

Por AE

São Paulo – O número de novos registros de inadimplentes no País, já livre dos efeitos sazonais, recuou 1,6% em abril na comparação com março, segundo a Boa Vista Serviços, administradora do Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC). Na comparação com abril de 2011, no entanto, o indicador cresceu 12%. No acumulado de 12 meses encerrados em abril, o avanço foi de 20,5%. Os números foram divulgados nesta quinta-feira.

A empresa de crédito avalia, em nota distribuída à imprensa, que a tendência de desaceleração da inadimplência deve se manter ao longo do ano. A previsão é de que o indicador feche 2012 com alta acumulada de 7% sobre o ano passado. Na avaliação da Boa Vista, o menor ritmo de crescimento é reflexo da melhora nas condições de crédito, influenciada por juros mais baixos e boas condições do mercado de trabalho.

Em abril, a região Centro-Oeste registrou crescimento de 22,8% no acumulado em 12 meses. Na comparação mensal, o Centro-Oeste apresentou queda de 3,4%, a maior entre as regiões. Sul e Sudeste também impulsionaram o indicador no acumulado em 12 meses, ambas crescendo 21,2%. Na variação mensal, a região Sudeste teve recuo de 2,8%.

A quantidade de novos registros de inadimplentes apenas no setor do varejo mostra uma retração ainda mais forte do que o 1,6% do indicador geral, com queda de 2,7% em comparação a março, descontados os efeitos sazonais. Tal variação foi impulsionada, principalmente, pela região Sudeste. No acumulado dos últimos 12 meses, observa-se uma elevação de 23,9% da inadimplência no varejo, com destaque para as regiões Sul, com 25,9%, e Sudeste, com 28,2%.