Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Inadimplência de bancos espanhóis registra nível recorde

A taxa de inadimplência alcançou 7,61% da carteira total de créditos, o maior nível desde 1994

Os bancos espanhóis registraram em dezembro de 2011 a maior taxa de inadimplência desde 1994, informou nesta sexta-feira o Banco da Espanha. Com o novo aumento, o índice de vulnerabilidade atingiu 7,61% da carteira total de créditos, totalizando 135,7 bilhões de euros.

Os créditos duvidosos, constituídos principalmente de empréstimos imobiliários que podem não ser devolvidos, já sofriam uma aceleração constante. Em novembro do ano passado alcançava 7,51% do total de carteiras, contra 7,42% em outubro.

O resultado é um reflexo do enfraquecimento do setor bancário espanhol desde a explosão da bolha imobiliária em 2008, e é um dos motivos de inquietação dos mercados contra este país da zona do euro. O total de créditos duvidosos, que era de 3,37% no fim de 2008, aumentou fortemente desde o início da crise.

(Com agência France-Presse)