Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ibovespa cai 1,5% e dólar fica estável com incertezas políticas no Brasil

Ampliação da queda do petróleo e maior tensão comercial entre Estados Unidos e China também impactaram principal índice da B3

O Ibovespa fechou em queda nesta quarta-feira (8), puxado pelo forte declínio de ações blue chips (empresas de grande porte e com boa reputação), com agentes financeiros preferindo cautela dado o panorama eleitoral ainda bastante incerto no país.

A ampliação da queda do petróleo e o pano de fundo de maior tensão comercial entre Estados Unidos e China corroboraram o viés negativo, apesar de balanços considerados robustos na sessão, entre eles o da siderúrgica Gerdau.

O principal índice de ações da B3 cedeu 1,49%, a 79.151,70 pontos, abandonando o viés mais positivo do começo da sessão, quando subiu 0,7%. O giro financeiro do pregão atingiu 10,6 bilhões de reais.

Pesquisa CNT/MDA divulgada no final da manhã mostrou o candidato do PSL, Jair Bolsonaro, com 18,9% das intenções de voto no Estado de São Paulo em cenário sem o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), enquanto Alckmin teve 15%. Como a margem de erro da pesquisa é de 2,2 pontos percentuais, porém, os dois estão em empate técnico.

Para o gestor Igor Lima, sócio da Galt Capital, a pesquisa não confirmou evolução do candidato tucano mas, por outro lado, também não mostrou deterioração, que parecia ser o grande medo do mercado na terça-feira (7), sem uma grande reação no pregão quando os números saíram.

A bolsa paulista está bastante sensível às expectativas relacionadas a novas pesquisas eleitorais após a definição das chapas que estarão na disputa presidencial, conforme o quadro ainda segue bastante nebuloso.

A ampliação da queda nos preços do petróleo no exterior endossou o viés negativo no pregão brasileiro, uma vez que pesa nas ações da Petrobras, que têm relevância na composição do Ibovespa.

O panorama global ainda trazia de pano de fundo aumento da tensão comercial entre Washington e Pequim, com a China retaliando medidas tarifarias recentes dos EUA.

Dólar Estável

O dólar, por sua vez, alternou altas e baixas ao longo de todo o dia e terminou a sessão muito perto da estabilidade, com leve queda de 0,07%, aos 3,7642 reais.

Os negócios somaram 560,9 milhões de dólares, praticamente a metade de um dia considerado normal. Já no mercado futuro, a divisa para liquidação em setembro avançava 0,27% às 17h20, aos 3,7725 reais, com 14 bilhões de dólares movimentados.

Na terça-feira, o dólar subiu 0,89%, pressionado por rumores de que o candidato do PSDB à Presidência, Geraldo Alckmin, demonstraria desempenho fraco na pesquisa CNT/MDA, que seria divulgada somente na manhã desta quarta-feira (8).

Como se especulava, a pesquisa não confirmou Alckmin à frente de Bolsonaro, como havia sido indicado pelo levantamento do Ibope na sexta-feira (3), realizado com eleitores do Estado de São Paulo.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Carlos Aurélio

    Vamos eliminar incertezas. Como? Delatando o tempo todo as roubalheiras dos propineiros que pedem 10% nas obras públicas, como no caso do ROUBOANEL.

    Curtir