Clique e assine a partir de 9,90/mês

GTI, LT, XLS: o que significam as siglas que batizam um carro

Montadoras utilizam as iniciais para identificar versões mais modestas ou mais incrementadas de um mesmo veículo

Por Quatro Rodas - 12 dez 2016, 16h05

As montadoras costumam lançar diferentes versões de um mesmo modelo de carro. Essas diferenciações, que dependem do incremento de cada versão – tipos de rodas, de estofado ou de pintura, por exemplo -, são identificadas por siglas que acompanham o nome do modelo. Saiba o que significam as siglas criadas por diferentes montadoras.

Chevrolet

Joy – Na tradução, significa “alegria”. No mercado, identifica as versões de entrada de Onix e Prisma.

Advantage – Tem a mesma função do Joy, mas para minivans (como a Spin) e picapes (S10).

LS – Luxury Standard. Representa as versões de entrada de alguns modelos.

Continua após a publicidade

LT – Luxury Touring. Versões intermediárias de alguns modelos e de entrada de outros.

LTZ – Luxury Touring + a letra Z, por ser a última do alfabeto. Representa a versão de topo de linha.

RS – Rally Sport. Identifica as versões esportivas dos modelos americanos.

SS – Super Sport. Para versõs esportivas com apelo de maior exclusividade, um degrau acima dos RS.

Continua após a publicidade

Citroën

Abandonou siglas como GLX (Gran Luxe Extra) recentemente, passando a adotar termos como Origine (versão de entrada), Tendance (intermediária) e Exclusive (de topo de linha).

Conheça o significado de siglas de outras montadoras no site de QUATRO RODAS.

Publicidade