Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Governo holandês confirma que país entrará em recessão

PIB recua 0,3% no terceiro trimestre e país espera nova queda ainda este ano

Por Da Redação 13 dez 2011, 09h41

A economia holandesa entrará em recessão, informou nesta terça-feira o escritório central de planejamento econômico (Central Planning Bureau, CPB) do país, de acordo com seus dados mais recentes. Segundo o órgão, encarregado de apresentar recomendações econômicas ao governo, depois da queda de 0,3% do Produto Interno Bruto (PIB) no terceiro trimestre de 2011, a expectativa é de que a contração se mantenha os três últimos meses do ano.

Quando se registra queda do PIB em dois trimestres consecutivos, a economia de um país entra oficialmente em recessão. As previsões do CPB a médio e longo prazo também não são otimistas, pois segundo seus cálculos, o PIB irá cair nos dois primeiros trimestres de 2012. A economia holandesa deve começar a se recuperar a partir da segunda metade de 2012, mas para o total do ano o PIB deve registrar queda de 0,5%.

O déficit fiscal em 2011 irá se situar em 4,6% do PIB, em comparação aos 4,1% registrados em 2010. Previsões realizadas em setembro indicavam um possível déficit de 2,9% em 2012. O escritório também calculou que o desemprego irá crescer 4,5% em 2011 e 5,2% em 2012, o que representa 475 mil pessoas sem trabalho, 90 mil a mais do que em 2011.

(Com EFE)

Continua após a publicidade
Publicidade