Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Governo espanhol acredita que desemprego chegará a 24,3% em 2012

Madri, 2 mar (EFE).- O governo espanhol prevê que o desemprego seguirá crescendo e chegará a 24,3% da população ativa em 2012, segundo anunciou nesta sexta-feira o ministro da Economia, Luis de Guindos.

O dado divulgado pelo ministro significa que serão fechados 630 mil postos de trabalho ao longo do ano.

O anúncio acontece poucas semanas depois que o governo conservador de Mariano Rajoy anunciou uma dura reforma para flexibilizar o mercado de trabalho e que facilita e barateia as demissões.

Segundo os últimos dados anunciados nesta sexta pelo Ministério de Emprego e Seguridade Social, a Espanha teve 112.269 novos desempregados em fevereiro, um número 2,44% acima do registrado em janeiro.

Segundo esses dados, que refletem o número de desempregados inscritos nas repartições públicas de emprego, o total de pessoas sem trabalho na Espanha se situa em 4,7 milhões.

De acordo números divulgados na quinta-feira pelo Eurostat, o escritório de estatística da União Europeia, a Espanha já tem uma taxa de desemprego de 23,3%, o que a situa à frente dos 27 países do bloco, com mais do que o dobro da média comunitária de cidadãos sem emprego. EFE