Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Governo dos EUA confirma aumento de tarifas contra a China

Em mais um capítulo da guerra comercial, país eleva de 10% para 25% tarifas sobre produtos chineses

Os Estados Unidos vão elevar em 25% as tarifas dos produtos chineses. A informação foi divulgada no diário oficial do país nesta quarta-feira, 8. A medida veio após o presidente Donald Trump anunciá-la no Twitter no domingo, 5. Anteriormente, as tarifas eram de 10% para as importações.

O Federal Register (Diário Oficial americano) também estabelece que o gabinete do representante comercial do país vai criar um processo para excluir determinados produtos desse aumento nas tarifas. 

Novamente na rede social, Trump disse nesta quarta-feira que ficará “muito feliz com mais de 100 bilhões de dólares por ano em tarifas enchendo os cofres dos EUA”. 

Em resposta à medida americana, integrantes do governo chinês ameaçam retaliação. A intensificação da guerra comercial entre os dois países alimentam preocupações com a economia mundial e levam apreensão a investidores.

Impacto para o Brasil

A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, afirmou nesta terça-feira, 6, que, se os Estados Unidos e a China não entrarem em um acordo, o Brasil poderá ser beneficiado com a exportação agropecuária. “Claro que, se os Estados Unidos e a China não entrarem em acordo, e se as tarifas não voltarem ao que eram antes, realmente é uma oportunidade, uma janela de oportunidade a mais para o Brasil.” A ministra passará 16 dias visitando países da região para promover a industria agropecuária brasileira.

(Com Reuters)