Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Gol reduz prejuízo para R$ 145 milhões no 2º trimestre

Desempenho da companhia foi sustentado pelo avanço de 30% na receita por passageiro. Receita líquida também subiu 24%, para R$ 2,38 bilhões

A Gol Linhas Aéreas reduziu seu prejuízo líquido para 145 milhões de reais no segundo trimestre de 2014 ante perda de 433 milhões de reais no mesmo período de 2013, apoiada pelo forte crescimento da receita por passageiro. Analistas consultados pela Reuters estimavam prejuízo de 93,7 milhões de reais. A receita líquida da Gol subiu 24%, para 2,38 bilhões de reais, nível recorde para o segundo trimestre. O avanço foi possível devido a alta de 30% na receita por passageiro, com expansão de 17% no yield (indicador que mede o preço de passagens) e de 75,2 % na taxa de ocupação.

A geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação, amortização e leasing de aeronaves (Ebitda) ficou positiva em 375,2 milhões de reais entre abril e junho, avanço de 59,6% sobre um ano antes. A dívida líquida da recuou 8,5%, para 2,59 bilhões de reais, na mesma base de comparação. Os custos e as despesas operacionais subiram 20% entre abril e junho, para 2,3 bilhões de reais, impactados pelo efeito da desvalorização do real ante o dólar no preço do querosene e pela maior pressão inflacionária. O indicador de custo por assento também aumentou 26%, com a redução da oferta implicando menor diluição de custos.

Leia também:

Azul está liberada para voar aos EUA

Embraer reverte prejuízo e tem lucro de R$ 319,8 mi no 2º tri

Lucro da Boeing sobe 52% no 2º trimestre

Demanda – A demanda total da companhia aérea subiu 5,9% e a oferta caiu 4,6% no segundo trimestre ante igual período do ano anterior. A demanda no mercado doméstico avançou 3,5% e a oferta recuou 6%. Os voos internacionais, por sua vez, registraram crescimento de 30,2% na demanda e de 7,4% na oferta.

(Com agência Reuters)