Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

General Mills compra Yoki por R$ 2 bilhões

Sem sucessor, Yoshizo Kitano, fundador da empresa, preferiu aceitar a oferta da multinacional americana

A empresa de alimentos norte-americana General Mills Inc. acertou a compra da brasileira Yoki por 2 bilhões de reais. Com a aquisição, a companhia, hoje a quinta maior no setor de alimentos do mundo, volta ao mercado da América Latina depois de uma década.

Em 2007, a General Mills perdeu a sua fábrica de massas Frescarini em um incêndio e, em 2009, vendeu a Forno de Minas para seus antigos fundadores. Desde então, a empresa fornece apenas produtos importados no Brasil, incluindo barras de cereais e sorvete Häagen-Dazs.

O acordo surge num momento em que empresas de alimentos tentam abocanhar fatias cada vez maiores do bilionário mercado de produtos alimentícios brasileiro, que tem se beneficiado da ascensão de mais de 30 milhões de pessoas à classe média na última década.

Yoki – A Yoki possui nove fábricas em seis estados brasileiros, que produzem 610 itens diferentes entre lanches, sucos embalados e pipoca de microondas. Em 2010, a companhia faturou cerca de 1,1 bilhão de reais. A empresa, fundada por Yoshizo Kitano, estava à venda porque não tinha sucessores e vivia uma rixa familiar.