Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Gasto de brasileiros no exterior é o menor em cinco anos

Alta do dólar inibiu o consumo de brasileiros em viagens internacionais; os gastos fora do país chegaram a US$ 1,41 bilhões em maio e US$ 8,3 bilhões nos últimos cinco meses

Por Da Redação - 22 jun 2015, 11h37

O gasto de brasileiros no exterior manteve a trajetória de queda em maio, alcançando a marca de 1,41 bilhão de dólares, informa o Banco Central nesta segunda-feira. Trata-se do menor valor para meses de maio desde 2010, quando chegou a 1,15 bilhão de dólares.

O recuo de despesas fora do Brasil ocorre em um momento de valorização do dólar ante o real. No mês passado, a moeda americana subiu 5,78%, indo para 3,18 reais. No acumulado dos cinco primeiros meses, o dólar registrou alta de quase 20%, e no acumulado de doze meses, de quase 40%. Com o dólar alto, o preço das passagens aéreas, hospedagem e dos produtos comprados no exterior ficam mais caros.

No acumulado dos cinco primeiros meses, as despesas de brasileiros em viagens internacionais somou 8,3 bilhões de dólares, o menor valor em cinco anos. Para efeito de comparação, no ano passado, o mesmo período registrou um gasto de 10,5 bilhões de dólares.

Por outro lado, o gasto dos estrangeiros em passeio pelo Brasil ficou em 417 milhões de dólares em maio.

Publicidade

A diferença entre o que os brasileiros gastaram no exterior e o que os estrangeiros desembolsaram no país foi de um saldo negativo de 998 milhões de dólares. No mesmo mês do ano passado, o déficit nessa conta era de 1,734 bilhão de dólares.

Leia mais:

Déficit em conta corrente soma US$ 6,87 bilhões em fevereiro

Déficit em conta corrente em 2014 é o maior da história

Publicidade

(Da redação)

Publicidade