Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Gabrielli: novas refinarias trarão margem de lucro maior

Por Da Redação 1 nov 2011, 10h30

Por AE

São Paulo – As quatro novas refinarias que a Petrobras planeja construir vão agregar em torno de 1,3 milhão de barris de petróleo por dia (bpd) em capacidade de refino até 2020. A afirmação é do presidente da Petrobras, José Sergio Gabrielli, que hoje apresenta projetos de refino em Cingapura, no evento Downstream Asia 2011, que faz parte da Semana Internacional de Energia do país. Para 2020, a produção nacional de petróleo prevista é de 4,9 milhões de bpd.

“As novas refinarias serão muito mais eficientes e trarão uma margem de lucro maior do que as instalações mais antigas, fortalecendo assim o desenvolvimento da Petrobras como uma companhia integrada de petróleo”, disse Gabrielli, segundo comunicado sobre sua apresentação no evento.

O executivo admitiu que apesar de o Brasil ter aumentado a sua produção de petróleo bruto, enfrenta déficit de produtos derivados, tais como diesel, GLP e nafta. Em termos de consumo de petróleo, Gabrielli informou que em 2010 houve crescimento de 2,1%, contra uma queda de 0,04% em países da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

Continua após a publicidade
Publicidade