Clique e assine a partir de 9,90/mês

Fluxo cambial termina fevereiro negativo em US$ 105 milhões

No segmento financeiro, que inclui investimentos estrangeiros e remessas de lucros, entre outras operações, o saldo ficou negativo em 795 milhões de dólares

Por Da Redação - 6 mar 2013, 17h45

A saída de dólares do país superou a entrada em 105 milhões de dólares em fevereiro, informou nesta quarta-feira o Banco Central. No segmento financeiro, que inclui investimentos estrangeiros e remessas de lucros, entre outras operações, o saldo ficou negativo em 795 milhões de dólares no período. O número é a diferença entre a entrada de 26,796 bilhões de dólares e a saída de 27,591 bilhões de dólares. As operações comerciais, por outro lado, mostraram entrada líquida de 690 milhões de dólares no mês passado.

As exportações somaram 15,612 bilhões de dólares, e as importações, 14,922 bilhões de dólares. Na última semana de fevereiro, entre os dias 25 e 28, o fluxo ficou positivo em 2,735 bilhões de dólares, sendo 1,150 bilhão de dólares no financeiro e 1,585 bilhão de dólares no comercial.

O BC informou que os bancos encerraram fevereiro com uma posição vendida de 8,521 bilhões de dólares no mercado de câmbio. No encerramento de janeiro, estavam vendidos em 8,577 bilhões de dólares. No final de dezembro, estavam vendidos em 6,069 bilhões de dólares.

Estar “vendido”, no jargão do mercado financeiro, representa expectativa de queda do preço da moeda. Estar “comprado”, por outro lado, significa aposta de que a cotação do dólar pode subir. Ao ter a moeda em caixa, é possível lucrar com uma eventual alta da divisa.

Continua após a publicidade

(Com Estadão Conteúdo)

Publicidade