Veja Digital - Plano para Democracia: R$ 1,00/mês

FGTS: 23% não sacaram conta inativa na 1º fase de pagamento

Os beneficiários tem até o dia 31 de julho para fazer o resgate das contas inativas

Por Thaís Augusto 7 abr 2017, 19h29

Caixa Econômica Federal liberou o balanço da primeira fase dos saques das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), que teve início em 10 de março para os trabalhadores nascidos em janeiro ou fevereiro.

Dentre as 4,8 milhões de pessoas, pouco mais de um milhão (23% do total) não fizeram o saque das contas inativas até 3 de abril.

O prazo final para retirar o dinheiro é 31 de julho. Depois disso, os beneficiários que pediram demissão ou foram demitidos por justa causa até dezembro de 2015 não poderão resgatar o FGTS se não se encaixarem em um dos 17 motivos que possibilitam o saque – como demissão, aposentadoria, compra da casa e doenças graves.

 

Continua após a publicidade

As regiões Sudeste e Sul foram as que registraram maior fluxo de saques. No Sudeste, 2 milhões de trabalhadores foram responsáveis por sacar 3,7 bilhões de reais, totalizando 54,7% do total de saques da primeira fase. Enquanto isso, o Sul representou 20,8% dos saques, com 1,1 bilhão de reais retirados.

Dos 6,96 bilhões de reais disponibilizados para a primeira fase, 5,93 bilhões foram retirados pelos trabalhadores até 3 de abril.

Ao todo, foram sacados 85% do dinheiro liberado na primeira fase. “É um percentual muito satisfatório e acima da média dos saques do FGTS”, destacou o presidente da Caixa, Gilberto Occhi.

Dos trabalhadores que sacaram os valores das contas inativas, 47,5% procuraram uma das 3.412 agências ou 837 postos de atendimento para sacar o dinheiro ou transferir para outro banco. Para os correntistas da Caixa, o crédito automático em conta-poupança ou corrente na primeira fase representou 34,5% dos pagamentos.

O levantamento também destacou a procura por informações sobre as contas inativas do FGTS nos canais do banco, foram 251 milhões de acessos ao site, 8,1 milhões de pessoas fizeram o download do aplicativo do Fundo. A Caixa também registrou 152 mil novas adesões ao Internet Banking.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)