Fazenda: Levy não falou em ‘reforma’ de programas sociais

Em nota divulgada na noite desta sexta-feira, o ministério desmente informação divulgada pelo jornal inglês 'Financial Times'

Por Da Redação - 23 jan 2015, 20h15

O Ministério da Fazenda divulgou uma nota no início da noite desta sexta negando que o ministro Joaquim Levy tenha dito que o Brasil está em período de austeridade, “incluindo um reforma potencialmente controversa de programas sociais”. A informação foi divulgada pelo jornal inglês Financial Times e amplamente divulgada pela imprensa brasileira. Segundo o ministério, a frase é de autoria do jornalista.

“Em momento algum o ministro usou a palavra ‘overhaul’ (reforma). O que ele disse é que ajustes específicos estão sendo feitos”, afirmou o ministério, acrescentando que a reportagem também não traz a frase “queremos preservar os programas sociais”, dita por Levy durante entrevista.

Leia mais:

Modelo de seguro-desemprego está ‘ultrapassado’, diz Levy

Publicidade

Criação de vagas de trabalho é a pior desde 2002

Santa Catarina supera São Paulo como maior criador de empregos

Outro tema muito comentado no Brasil foi a citação do ministro da Fazenda na matéria de que o seguro-desemprego “está ultrapassado”. Sobre isso, o Ministério da Fazenda, o objetivo de Levy foi “ampliar o debate pela modernização das regras desse benefício diante das transformações do mercado trabalho nos últimos 12 anos”.

VEJA Mercados:

Publicidade

As palavras proibidas, ou #JeSuisLevy

Publicidade