Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Fazenda autoriza SP a tomar empréstimo do Bird

Montante de US$ 300 milhões terá garantia da União e financiará parcialmente o Programa de Transporte, Logística e Meio Ambiente do estado

Por Da Redação 10 jul 2013, 10h33

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, concedeu nesta quarta-feira garantia da União ao estado de São Paulo para que contrate um empréstimo de 300 milhões de dólares do Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento (Bird). O recurso financiará parcialmente o Programa de Transporte, Logística e Meio Ambiente do estado. A decisão está publicada em despacho no Diário Oficial da União (DOU).

“Considero elegível, em caráter excepcional, a operação de crédito em análise relativamente à capacidade de pagamento do Estado para a finalidade de prosseguimento do processo com vistas à concessão de garantia da União”, diz o ministro no documento. Esta é a segunda autorização dada ao estado de São Paulo este mês para a obtenção de crédito externo.

No último de 5, a Fazenda permitiu que SP contratasse 200 milhões de dólares da Corporação Andina de Fomento, também para aplicar no Programa de Transporte, Logística e Meio Ambiente. Segundo os despachos, as duas decisões assinadas por Mantega consideraram parecer da Secretaria do Tesouro Nacional sobre a capacidade de pagamento do estado.

Leia mais: Senado quer ouvir Augustin sobre empréstimos a estados

Governo avaliza empréstimos do BB e BNDES a estados

Sergipe – O ministro autorizou também um segundo empréstimo ao estado de Sergipe com a garantia da União. Em despacho publicado no DOU, o Estado recebe aval para contratar 428,7 milhões de reais da Caixa pela linha Proinveste, voltada para investimentos dos estados e Distrito Federal. Em outro despacho, o ministro já havia autorizado Sergipe a contratar 138,5 milhões de reais do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), pela mesma linha de financiamento. As duas operações foram autorizadas em caráter excepcional e contarão com a interveniência do Banco do Brasil e do Banco do Estado de Sergipe.

Leia mais:

Banco Mundial aprova empréstimo de US$ 150 milhões ao estado de Sergipe

Continua após a publicidade
Publicidade