Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Exportação de soja no Brasil segue firme em novembro

SÃO PAULO (Reuters) – As exportações de soja do Brasil em novembro continuaram firmes e subiram para 1,75 milhão de toneladas, alta de 24 por cento ante 1,41 milhão de toneladas de outubro, informou a Secretaria de Comércio Exterior (Secex) nesta quinta-feira.

Em novembro de 2010, os embarques da oleaginosa somaram apenas 310,3 mil toneladas.

O salto reflete uma colheita da safra 2010/11 tardia, o que acabou prolongando embarques. Além disso, o aumento das exportações também decorre da produção recorde no Brasil na última temporada.

O preço médio da tonelada exportada ficou 7,8 por cento maior na comparação com 2010, em 499,3 dólares por tonelada.

Contudo, o preço caiu 4,6 por cento ante o mês passado, em meio ao recuo dos preços da commodity no mercado externo.

Já os embarques de café recuaram no período, somando 2,79 milhões de sacas, versus 2,86 milhões de sacas em outubro e 2,94 milhões de sacas.

O preço médio do café no mês passado teve um salto de 44,6 por cento ante novembro de 2010, ficando em 288,7 dólares por saca. O valor também é superior aos 288,1 dólares registrados no mês passado.

AÇÚCAR

As vendas externas de açúcar bruto subiram para 2,11 milhões de tonelada, contra 2,05 milhões de toneladas em outubro.

Mas a queda na safra brasileira de cana, que afetou a produção de açúcar, teve impacto nas exportações se comparado aos volumes de 2010. . O volume embarcado no mês passado recuou 17 por cento, ante 2,56 milhões de toneladas em novembro do ano passado.

Já o preço médio da tonelada exportada em novembro ficou em 599 dólares por tonelada, ante 580,9 dólares em outubro e 468,7 dólares em outubro de 2010.

(Reportagem de Fabíola Gomes)