Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Europa deve ‘atuar rápido’ contra crise da dívida: Obama

Por Jewel Samad - 6 out 2011, 14h20

A Europa deve “atuar rápido” para solucionar sua crise da dívida, disse neta quinta-feira o presidente americano, Barack Obama, depois de afirmar que os problemas do velho continente são uma séria ameaça para a economia americana.

O presidente americano, Barack Obama, também acusou nesta quinta-feira a China de “manipular o sistema de comércio a seu favor” e intervir nos mercados de câmbios para manter sua moeda artificialmente baixa com relação ao dólar.

Obama disse em coletiva de imprensa que considera que os Estados Unidos poderiam ter uma “relação comercial benéfica” para as duas partes com Pequim: “O comércio é fantástico sempre e quando todos jogarem com as mesmas regras”.

Publicidade