Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Euro tem nível mais baixo frente ao dólar desde janeiro

Por Renato Martins

Nova York – O euro caiu para o nível mais baixo frente ao dólar desde janeiro, com a intensificação das preocupações quanto ao futuro da união monetária europeia. O euro chegou a cair a US$ 1,2821 no fim da tarde em Nova York, logo depois de a Moody’s anunciar o rebaixamento dos ratings de crédito de 26 bancos italianos, com perspectiva negativa.

Também pesaram sobre o euro a dificuldade dos partidos políticos da Grécia em formar um novo governo e incertezas sobre o grau de compromisso do presidente eleito da frança, François Hollande, com os programas de austeridade que a Alemanha pressionou a região toda a aceitar.

Ao longo do dia, vários ministros das Finanças de países europeus advertiram os políticos gregos de que seu país corre o risco de ser retirado da União Europeia, caso os partidos não consigam produzir uma coalizão de governo que cumpra as condições impostas ao país para receber ajuda financeira.

Mas, segundo o estrategista Marc Chandler, da Brown Brothers Harriman, compradores têm aparecido para impedir o derretimento dramático do euro que alguns investidores vêm prevendo. Isso porque existe a expectativa de que os governos europeus deverão intervir para evitar um colapso. “O mercado está começando a agir como se estivéssemos à beira de um abismo – e no passado, quando nos aproximamos da beira, os formuladores de políticas fizeram alguma coisa para nos puxar para trás”, disse Chandler. Para ele, “fundamentalmente, o euro ainda parece muito fraco”.

Outros fatores que contribuíram para a baixa do euro foram o fraco indicador de produção industrial na zona do euro em março e o leilão de � 2,9 bilhões em bônus de 12 e 18 meses da Espanha, no qual os juros subiram em relação a ofertas anteriores; os juros dos títulos governamentais da Alemanha e da Finlândia subiram, devido à busca por segurança.

No fim da tarde em Nova York, o euro estava cotado a US$ 1,2822, de US$ 1,2919 na sexta-feira; frente ao iene, o euro estava cotado a 102,36 ienes, de 103,26 ienes na sexta-feira; o iene estava cotado a 79,85 por dólar, de 79,94 por dólar na sexta-feira; o franco suíço estava cotado a 0,9365 por dólar, de 0,9297 por dólar na sexta-feira.

O dólar australiano também sofreu uma queda forte frente ao dólar, caindo abaixo da paridade com a moeda norte-americana pela primeira vez desde dezembro. O mercado reagiu à queda dos preços das commodities que a Austrália exporta e refletiu preocupações quanto à economia da China. No fim da tarde, o dólar australiano estava cotado a US$ 0,9958, de US$ 1,0020 na sexta-feira. As informações são da Dow Jones.