Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Euro recua com corte nas notas de crédito na Europa

Por Da Redação 13 jan 2012, 19h48

Por Gustavo Nicoletta

Nova York – O euro tocou o menor nível em 16 meses depois de a agência de classificação de risco Standard & Poor’s anunciar que rebaixou o rating de nove países da zona do euro. A notícia já havia sido antecipada por fontes da União Europeia ao longo da sessão, mas foi confirmada apenas depois do fechamento das bolsas norte-americanas.

No final da tarde em Nova York, o euro caía para US$ 1,2678, de US$ 1,2814 na quinta-feira, e recuava para 97,70 ienes, de 98,37 ienes ontem. Ao longo da sessão, a moeda europeia chegou a tocar uma mínima de US$ 1,2640 após a S&P confirmar o rebaixamento nos ratings. O dólar subia para 76,95 ienes, de 76,75 ienes na quinta-feira, e avançava para 0,9520, de 0,9445 ontem. A libra tinha queda para US$ 1,5318, de US$ 1,5336 na quinta-feira.

O mercado estava aguardando a decisão da S&P desde o final do ano passado, quando a agência colocou em revisão para potencial rebaixamento a nota de 15 países da zona do euro. Analistas demonstraram preocupação em particular com a nota da França, que foi cortada em um grau – algo que pode levar a uma redução no rating da Linha de Estabilidade Financeira Europeia (EFSF, em inglês). As informações são da Dow Jones.

Continua após a publicidade
Publicidade