Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Euro cai com feriado nos EUA e espera por juros do BCE

Por Patrícia Braga

Toronto – O dólar subiu em relação ao euro e a várias outras moedas nesta quarta-feira com feriado nos Estados Unidos, o que fez encolher os negócios, e com o mercado nervoso um dia antes do anúncio de política monetária do Banco Central Europeu (BCE) e do Banco da Inglaterra (BoE).

A expectativa ampla entre analistas é de que o BCE anuncie um corte de 25 pontos-base na taxa de juros, mas a deterioração recente nas dados econômicos fez com que os participantes do mercado passassem a esperar por um corte duas vezes maior, afirmou a estrategista de moeda doScotiabank in Toronto, Camilla Sutton. “O que realmente importa para a moeda é o que o presidente do BCE, Mario Draghi, pode dizer durante a conferência com a imprensa”, afirmou Sutton.

Os investidores continuam nervosos em relação à Europa após os dados desta semana terem revelado novo enfraquecimento na economia. O índice de gerente de compras (PMI, na sigla em inglês) para os setores de manufaturados e serviços continua registrando contração, ainda que em ritmo menor. As vendas no varejo na zona do euro, entretanto, vieram mais fortes do que o esperado, mas a perspectiva ainda continua incerta.

No fim da tarde, em Toronto, o euro era negociado a US$ 1,2525, de US$ 1,2609 no final da tarde de terça-feira em Nova York. O iene estava cotado a 79,87 por dólar neste final de tarde, comparado com os 79,79 por dólar na véspera. A libra era vendida a US$ 1,5597, frente a US$ 1,5688 no pregão anterior.

A moeda do Reino Unido foi atingida após a divulgação do PMI para o setor serviços ter mostrado que a atividade enfraqueceu em junho para o seu ritmo mais lento em oito meses. Os dados solidificaram as expectativas de que o BoE aumente seu programa de compra de ativos na quinta-feira. A expansão do programa está sendo amplamente precificada pelo mercado, afirmou Sutton. As informações são da Dow Jones.