Clique e assine a partir de 9,90/mês

EUA reduz previsões para demanda mundial de petróleo

Por Jessica Kourkounis - 10 jul 2012, 20h33

A agência americana de informação sobre energia (EIA) voltou a reduzir nesta terça-feira as previsões do consumo mundial de petróleo para 2012, em meio aos temores sobre uma desaceleração da economia mundial.

Em seu relatório mensal, o organismo vinculado ao departamento de Energia estima que o consumo mundial do petróleo crescerá em 670 mil barris por dia em 2012, contra 800 mil da previsão anterior.

Assim, a projeção para a demanda diária caiu a 88,6 milhões de barris (mb/d), contra os 88,8 mb/b previstos em junho.

Para o próximo ano, o organismo espera um crescimento de 720 mil barris diários, contra a previsão de 1,1 milhão de barris em junho, o que deixa as projeções mundiais em 89,4 milhões de barris dia, contra 89,9 milhões no mês anterior.

Continua após a publicidade

“Esta nova queda nas estimativas de demanda feitas pela EIA reflete a situação econômica nos países industrializados e a desaceleração do crescimento na Ásia, especialmente devido à crise na Europa”, segundo James Williams, especialista em energia da WTRG Economics.

Publicidade