Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

EUA devem ser rebaixados por outra agência de risco, diz Merrill

Por Walter Brandimarte

NOVA YORK (Reuters) – Os Estados Unidos irão provavelmente perder a sua classificação triplo A de outra importante agência de classificação de risco até o fim do ano, devido à preocupação com o déficit do país. A previsão é do Bank of America Merrill Lynch.

O estopim para isso seria a provável recusa do Congresso em aprovar um plano factível de longo prazo para reduzir o déficit. A pesquisa do banco norte-americano foi publicada na sexta-feira.

O segundo rebaixamento da agência Moody’s ou da Fitch, se seguiria ao feito pela Standard & Poor’s em agosto, por conta do déficit orçamentário e do aumento da dívida. De acordo com a Merrill, um segundo rebaixamento será um golpe adicional para a já problemática economia dos EUA.

“As agências de risco apontaram com ênfase que novas quedas na classificação poderiam vir se o Congresso não apresentasse um plano factível de longo prazo” para reduzir o déficit, disse no relatório o economista da Merrill Ethan Harris.

“Assim, esperamos pelo menos um rebaixamento de classificação no fim de novembro ou início de dezembro”, acrescentou.

A comissão do Congresso formada para tratar do déficit precisa superar o impasse e chegar a um acordo até 23 de novembro. Sem ele, haverá um corte automático de gastos de 1,2 trilhão de dólares, a partir de 2013.

Esses cortes serão mais um peso sobre a já frágil economia dos Estados Unidos, segundo a Merrill. No mesmo relatório, o banco reduziu suas previsões de crescimento dos EUA para 1,8 por cento em 2012 e 1,4 por cento em 2013.