Clique e assine com até 92% de desconto

EUA condicionam fusão entre operadoras das bolsas de NY e Frankfurt

Por Da Redação 22 dez 2011, 16h27

Nova York, 22 dez (EFE).- As autoridades de concorrência dos Estados Unidos deram seu aval nesta quinta-feira à fusão das operadoras das bolsas de valores de Nova York e de Frankfurt com a condição de que a alemã realize algumas concessões.

Para a fusão da NYSE Euronext com a Deutsche Börse (DB), o Departamento de Justiça dos EUA pede que uma filial da bolsa alemã, International Securities Exchange Holdings (ISE), venda sua participação de 31,5% na americana Direct Edge Holdings em um prazo de dois anos, segundo um comunicado de imprensa.

Os termos do acordo de fusão anunciado por ambas no começo do ano preveem a compra de todos os títulos da NYSE por parte da Deutsche Börse e a criação de uma nova companhia da qual a sociedade gerente da Bolsa de Frankfurt tem 60%, enquanto a do pregão nova-iorquino se fica com 40% restante.

Com um valor de mercado de 7,4 bilhões de euros e 7 mil empregados, a empresa combinada se transformará na maior bolsa do mundo por faturamento, lucro e valor de mercado, com sua sede jurídica em Amsterdã, enquanto suas ações cotarão nas bolsas de Frankfurt, Nova York e Paris.

Segundo o anúncio realizado nesta quinta-feira pelo Departamento de Justiça americano, a DB terá de pedir à ISE que ‘venda 31,5% de sua participação na Direct Edge Holdings LLC’, quarto maior operador da bolsa dos Estados Unidos.

Também terá de aceder ‘a outras restrições para que a Deutsche Börse proceda com sua planejada fusão de US$ 9 bilhões com a NYSE Euronext, um dos maiores e mais prestigiosos operadores de bolsa nos Estados Unidos’, sublinharam as autoridades reguladoras deste país.

O Departamento de Justiça considerou que a transação, ‘tal como foi proposta originalmente, poderia reduzir a concorrência para determinados serviços das bolsas de valores’, inclusive os produtos relacionados à troca de dados sobre valores nos EUA. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade