Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Espanha anuncia que vai adotar novas medidas estruturais para reduzir o déficit público do país

Após juros do bônus alcançar alta marca de 7%, primeiro-ministro do país anuncia que vai adotar ações para reverter quadro crítico

O primeiro-ministro da Espanha, Mariano Rajoy, anunciou neste sábado que adotará em breve importantes medidas para reduzir o déficit público, depois de uma nova semana de tensões nos mercados e preocupação com a situação econômica do país.

“Nos próximos dias, vamos anunciar decisões importantes para reduzir o déficit público. É preciso adotar reformas estruturais”, disse Rajoy no encerramento do campus de verão da Faes, uma fundação do conservador Partido Popular, do qual Rajoy é presidente.

A preocupação pela situação econômica na Espanha ficou de novo refletida nos mercados nesta semana com o aumento do prêmio de risco espanhol e pelos altos juros que o país teve de pagar por sua dívida. Na última sexta, o juro do bônus espanhol de dez anos alcançou a marca de 7%, nível que analistas consideram insustentável para a administração da dívida pública do país.

Resgate – Rajoy deve falar na próxima quarta-feira ao Congresso dos Deputados sobre o resgate europeu dos bancos espanhóis, anunciado no mês passado. O primeiro-ministro também pediu aos líderes da União Europeia para que cumpram os compromissos acordados na reunião de 29 de junho, entre eles a possibilidade de que o resgate bancário seja feito diretamente da Europa.

“Alcançamos acordos importantes e positivos para a Europa, mas o que determinará o verdadeiro êxito é que essas decisões se adequem a realidades concretas e palpáveis, de forma ágil, rápida e efetiva”, disse Rajoy. “A Europa deve cumprir com a maior rapidez possível os acordos”, completa.

(Com agência France-Presse)