Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Emirates voltará a voar para São Paulo com o maior avião do mundo

A380 transporta mais de 500 passageiros; Empresa também anunciou a retomada dos voos de Dubai para o Rio de Janeiro

Por Victor Irajá, de Dubai Atualizado em 27 out 2021, 12h26 - Publicado em 27 out 2021, 12h22

O presidente mundial da companhia aérea Emirates Airlines, Ahmed Bin Saeed Al Maktoum, anunciou, nesta quarta-feira, 27, a retomada de voos entre da companhia ao Brasil no Airbus A380, o maior avião do mundo, ainda sem data definida, mas com perspectiva de retorno breve. O anunciou foi feito ao lado do governador de São Paulo, João Doria, que está em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, em uma missão empresarial promovida pela agência de negócios do estado, InvestSP.

O maior avião do mundo, que transporta até 550 passageiros, operava diariamente a rota entre Dubai e São Paulo. Porém, em março de 2020, na primeira onda de Covid-19, o voo foi suspenso. A retomada ocorreu em agosto do mesmo ano, mas utilizando um avião um pouco menor, um Boeing 777, com capacidade para 354 pessoas.

Ao lado do governador, Al Maktoum anunciou ainda a retomada da rota Dubai-Rio de Janeiro, suspensa desde 2020. O trecho terá, também, conexão para Santiago, capital do Chile. O retorno da rota ocorre graças ao controle da pandemia no Brasil, com altos níveis de vacinação.

O movimento da Emirates envolve um plano para transformar Dubai no maior destino aéreo do mundo até 2022 — hoje, a cidade nos Emirados Árabes ocupa a terceira colocação, atrás dos hubs de Atlanta (EUA) e Heathrow (Inglaterra).

Continua após a publicidade

Publicidade