Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Em nota, Chevron afirma que não foi notificada sobre ação judicial

A notificação diz respeito à ação judicial proibindo 17 executivos e funcionários de deixarem o país

Em nota à imprensa, a companhia petrolífera Chevron Brasil reafirmou que nem ela nem seus executivos foram notificados sobre qualquer ação judicial para impedir a saída dos profissionais do país. As informações são da Agência Brasil.

Dezessete executivos e funcionários da empresa, que são investigados pelos vazamentos de petróleo na Bacia de Campos, estão impedidos pela Justiça Federal de sair do Brasil. Segundo a Chevron, tanto a empresa como seus empregados “acatarão qualquer decisão legal”, mas que irá se defender da decisão judicial, bem como a seus empregados.

Ainda na nota, a Chevron comunicou que irá efetuar um amplo estudo sobre a estrutura geológica de Frade, em parceria com seus sócios na exploração de petróleo na região.