Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Egito pede apoio financeiro de US$ 4,8 bi ao FMI

Segundo Christine Lagarde, o Fundo está disposto a ajudar o país

Por Da Redação 22 ago 2012, 13h20

O Egito pediu apoio financeiro ao Fundo Monetário Internacional para sustentar seu período de transição política, declarou, em um comunicado, a diretora-gerente do FMI, Christine Lagarde, ao término de uma reunião com as autoridades no Cairo. De acordo com o governo egípcio, foi solicitado um empréstimo de 4,8 bilhões de dólares ao FMI, acima dos 3,2 bilhões inicialmente pensados. Segundo Lagarde, o Fundo está disposto a ajudar o país.

Lagarde se encontra de visita no Egito para negociar um possível programa de ajuda financeira ao país.

A chegada de Lagarde acontece no momento em que o presidente islamita Mohamed Morsi se mobiliza para consolidar seu poder depois de sua eleição em junho e depois de mais de um ano de instabilidade política que impediu o FMI de prosseguir com as negociações sobre um empréstimo.

(Com agência France-Presse)

Continua após a publicidade
Publicidade