Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Economia mundial ainda está em situação frágil, diz FMI

Por Patricia Lara

Paris – A diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde, afirmou que a despeito dos recentes sinais encorajadores, a economia mundial ainda está em uma situação frágil e todo mundo tem que cooperar para assegurar a volta do crescimento. “A economia mundial está em um padrão apertado e a margem para manobra é extremamente limitada”, disse Lagarde, acrescentando que um desfecho favorável é viável apenas “se todo mundo fizer o que tem de ser feito”.

Não é apenas a zona do euro que precisa agir e conter a crise de dívida soberana, mas também os EUA, que precisam elaborar um plano crível para equilibrar suas finanças públicas no médio prazo, e a China, que deveria estimular o consumo doméstico para levar seu balanço de pagamentospara mais perto do equilíbrio.

Os comentários da diretora do FMI foram feitos um dia após o organismo internacional alertar que a economia global vai desacelerar neste ano, o que gerou a revisão dos prognósticos de crescimento e o acionamento de um alerta sobre uma recessão na Europa, caso não sejam tomadas ações mais fortes para conter a crise do endividamento. O FMI projetou que a economia global deve cresce 3,3% neste ano, ritmo inferior ao 3,8% do ano passado. Em setembro, o organismo internacional havia projetado expansão de 4% para este ano.As informações são da Dow Jones.