Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Dow Jones fecha em baixa de 0,79%

Nova York, 23 jul (EFE).- O índice Dow Jones Industrial da Bolsa de Nova York fechou nesta segunda-feira em baixa de 0,79%, aos 12.721,46 pontos, em um dia marcado pelas renovadas preocupações em torno da crise da dívida europeia.

Já o seletivo S&P 500 caiu 0,89% até 1.350,52 pontos, e o índice composto da bolsa eletrônica Nasdaq retrocedeu 1,2% até 2.890,15 unidades.

O pregão nova-iorquino havia registrado fortes perdas próximas aos dois pontos percentuais no início do pregão em um dia em que a Múrcia se tornou a segunda comunidade autônoma a pedir ajuda ao Estado espanhol, o que eleva o temor que o país não será capaz de cumprir seus objetivos de déficit.

As dúvidas sobre a Espanha, unidas às que giram em torno da Grécia depois que o Fundo Monetário Internacional (FMI) anunciou que planeja suspender a ajuda financeira ao país, fizeram com que apenas seis dos 30 componentes do Dow Jones acabassem a jornada em terreno positivo.

Entre os que acabaram em alta nesse índice destacaram-se o banco JP Morgan Chase (1,59%) e o conglomerado General Electric (1,11%), enquanto o lado das perdas foi liderado pelo McDonald’s (-2,88%) após divulgar seus resultados.

Fora desse índice a surpresa foi o canadense Nexen, cujas ações dispararam 51,82% após a notícia que a companhia petrolífera estatal chinesa CNOOC comprou essa produtora de petróleo e gás natural por US$ 15,1 bilhões, a maior aquisição chinesa no setor energético mundial.

Em outros mercados, o petróleo do Texas caiu 4% até US$ 88,14 por barril, o ouro desceu a US$ 1.577,4 a onça, o dólar ganhava terreno perante o euro (cotado a US$ 1,2139) e a rentabilidade da dívida pública americana a dez anos retrocedia para 1,44%. EFE